Carga e descarga: como fazer com segurança e eficiência?

A carga e descarga de veículos é um processo rotineiro que pode ser melhorado com o uso de equipamentos adequados, como a doca móvel, por exemplo. Saiba mais!

Você sabia que no segmento do transporte rodoviário de cargas o processo de carga e descarga é uma das etapas menos produtivas? Isso acontece porque esse serviço passa por alguns procedimentos burocráticos e, além disso, na etapa de carga e descarga o motorista depende do trabalho de outras pessoas e não há outra escolha que não seja ter paciência e esperar.

Porém, como o processo de carga e descarga é algo extremamente rotineiro – médias e grandes empresas chegam a realizar esse serviço mil vezes em uma única semana – é preciso lançar mão de recursos para otimizar o trabalho, pois caminhão parado é sinônimo de perda de dinheiro.

Leia o post até o fim e saiba como realizar a carga e descarga de mercadorias dos seus veículos com segurança!

Solicite Orçamento Metaro

É importante diminuir o tempo de descarregamento

Um veículo parado, seja na estrada ou no pátio, significa aumento nos custos logísticos, pois quanto maior for esse tempo de caminhão parado, maiores as possibilidades da espera resultar em pagamento de horas extras e mudanças de rota, o que pode acabar comprometendo os prazos de entrega das mercadorias.

Inclusive, a lei 13.103/2015 prevê pagamento de multa que pode chegar a 5% do valor da carga, a partir da quinta hora de atraso. Para que haja esse controle, o embarcador e o destinatário devem fornecer ao transportador um documento que comprove o horário de chegada do veículo em suas dependências

Quais são os problemas mais comuns no processo de carga e descarga?

Além da demora, o etapa de carga e descarga também pode ser prejudicada em função de outros problemas, tais como:

Falta de local adequado para estacionar

Portos e centros de distribuição, por exemplo, são locais onde há uma enorme movimentação de veículos entrando e saindo e, nesse caso, não tem como evitar a espera. Entretanto, o problema se agrava porque o motorista, muitas vezes, tem dificuldade para encontrar um lugar seguro para aguardar a sua vez de carregar ou descarregar.

Então, o que ocorre é que, durante o tempo de espera, o condutor do veículo é obrigado a aguardar em locais sujeitos a acidentes, roubos e multas de trânsito, arriscando a sua própria integridade e a segurança da carga.

Danos ao veículo durante a carga e descarga

Batidas, arranhões e amassados no caminhão são bem comuns de acontecer durante o processo de carga e descarga, justamente por ser uma etapa bastante movimentada, com fluxo intenso de veículos. Esses problemas ocorrem pela falta de cuidados dos profissionais, mas, principalmente por falta de infraestrutura adequada nos locais de carga e descarga.

Como tornar mais simples o processo de carga e descarga?

Confira 4 dicas para agilizar essa etapa logística:

1 – Planejamento

A falta de planejamento é uma das causas dos atrasos na carga e descarga. Por isso, é necessário que o motorista possua todas as informações relacionadas à coleta e entrega de uma carga, incluindo o horário em que deve se apresentar à empresa à qual está se dirigindo e o local exato da carga e descarga.

O ideal é chegar ao local antes mesmo do horário combinado e é importante destacar que, em perímetros urbanos, o grande fluxo de veículos nas vias dificulta a circulação, principalmente de veículos de grande porte. Além disso, em grandes cidades costuma haver restrições para a circulação de caminhões em determinados horários

2 – Organização de entregas e coletas por categoria

Para evitar deslocamentos desnecessários e perda de tempo e dinheiro, é importante agrupar as entregas e coletas conforme suas características, tais como tamanho da carga, ordem de entrega ou coleta e seus respectivos endereços, para que seja definida a melhor ordem para cumprimento do cronograma. Assim se evita a retirada e recolocação de mercadorias no baú a cada nova entrega.

Exemplo: priorizar as cargas de maior volume facilita a acomodação dos produtos na carroceria do caminhão. É uma dica simples que poupa bastante tempo na hora de reorganizar a carga.

3 – Conferência da carga e da documentação

O motorista é o responsável pelos produtos e mercadorias que carrega, por isso é fundamental que ele confira se a carga e a documentação estão corretas, verificando inclusive a situação das embalagens (para reclamar caso alguma esteja danificada, por exemplo). 

O condutor do veículo também deve se certificar de que tudo está embalado de acordo com as instruções e se a quantidade carregada está de acordo com os documentos fiscais.

4 – Utilização de soluções tecnológicas

O uso de novas tecnologias é um aliado para desburocratizar a carga e descarga e também é essencial para agilizar o seu processo operacional. A utilização de equipamentos, como a doca móvel de carga e descarga, por exemplo, que otimiza o trabalho de carga, tornando-o mais seguro e eficiente.

A doca móvel desenvolvida pela Metaro foi pensada para uso em locais onde não há doca convencional. A sua utilização possibilita a logística dos pallets de carga entre o nível do piso do armazém e a carroceria do caminhão, usando somente uma transpaleteira manual.

Veja algumas vantagens do uso da doca móvel:

  • possui rodas próprias que facilitam a sua movimentação, podendo ser usada dentro ou fora do armazém;
  • possibilita operação com produtos não paletizados, como pneus e bobinas, entre outros;
  • reduz o investimento em, pelo menos, 50%, pois não necessita de empilhadeira;
  • pode ser usada como elevador entre pavimentos com altura de até 1,7 metro.

https://www.youtube.com/watch?v=UqdbWoRe3bQ

Como acabamos de ver, existem formas de agilizar o processo de carga e descarga, mas é preciso adotar alguns procedimentos, incluindo o uso de equipamentos para otimizar o trabalho.

Se você quer saber mais sobre as soluções ergométricas e logísticas desenvolvidas pela Metaro, entre em contato conosco ou solicite um orçamento sem compromisso!